PLANTAS DE CASA

Formas na versão do utilizador de observar e cuidar de plantas de interior.

Diversos assuntos serão abordados neste blogue destinado a todos os que gostam de plantas e que somente possuem uma pequena varanda ou o espaço interno da casa para as colocar.

De uma forma simples, irei revelando pequenas dicas e conselhos sobre como desfrutar melhor das mesmas pela auto experiencia e observação de resultados de outras pessoas que jamais compraram um livro de plantas ou de jardinagem.

Por todo este blogue é possivel tambem encontrar outros textos relacionados com plantas e links direcionados a outras paginas de grande interesse sobre este assunto, visita-os para informações adicionais!...




EEem.

.
.

10/02/08

MANJERICO - A PLANTA DOS SANTOS POPULARES



Quem em Portugal não conhece o Manjerico, não conhece as festas dos Santos Populares e o cheiro das sardinhas assadas...
O Manjerico a "erva dos namorados" é a planta mais popular das festas de São João e de Santo António, os santos populares respectivamente do Porto e de Lisboa

O caule é pequeno com apenas 20 cm. anguloso, muito ramificado verde claro e aplanta no seu geral tem a forma redonda.

As folhas são muito aromáticas, pequenas, fortes ovaladas e ponteagudas, verdes e estriadas. Possuíem pequenas glândulas na face posterior (pontos translúcidos) e flores pequenas, brancas, cheirosas e em cacho florescendo entre Julho e Setembro. A poda das flores assim que começam a despontar prolonga a planta.

Deve ser transplantada em vasos de barro bem drenados e em local solarengo mas sem sol ao meio-dia e nunca ao sol direto da rua.
Gosta de solos argilosos mas com algum húmus para aligeirar a terra sempre bem regada pois gosta de agua, devendo regar-se ao meio-dia.
A tradição popular tem uma frase indicativa da sua rega - "È regar e por ao Luar". Pessoalmente não aconselho, pois a planta permanecerá demasiado tempo na humidade noturna e poderá vir a ser vitima de fungos e acabar por apodrecer. Pulverisações de vez em quando são beneficas mas não a coloque ao sol direto nessa altura pois queimará todas as suas folhas, as gotas de agua funcionaram como lentes e o Sol fará o resto...
Propagação por semente em Junho/Julho num tabuleiro com terra nutritiva e bem regada sempre onde em mais ou menos 15 dias se apresentará ao mundo devendo quando tiver algumas folhas ser transplantada (só as plantas mais fortes) em grupinhos de tres ou quatro para vaso definitivo e começar a ser tratada como adulta.

O aroma das folhas é magnifico e muito caracteristico, porem dizem os mais velhos que não se deve aspirar o seu cheiro directamente com o nariz pois a planta irá secar mais rapidamente mas sim com um leve toque de mão que se colocará depois no nariz. Pessoalmente fiz a esperiencia e o facto é que resistiram menos tempo do que as outras onde só toquei ao de leve...

O magerico pode ser podado e usado em chás energeticos e na substituição do manjericão (uma variante de folha grande) na culinaria especialmente em massas e na preparação do famosissimo molho italiano Pesto onde é ingrediente principal mas tambem na aromatização de saladas e algumas sopas mais fortes.

È uma planta anual e não se conservará de um ano para o outro por mais cuidados que se tenha, no entanto será portadora de grandes alegrias enquanto durar.

20 comentários:

boboquinha disse...

Vim aqui parar para saber como regar o manjerico que acabei de comprar e também se deve estar ao sol ou à sombra. Ainda não entendi bem. Mas fiquei com curiosidade, porque não fiz a experiência, se isso de cheirar é mesmo verdade. Por tradição familiar, tocamos ao de leve no manjerico e cheiramos na mão. Mas uma pessoa que me viu com ele logo enfiou o nariz. Por acaso quando fizeste a experiência, expiraste?

Ou seja: inalar o odor é uma coisa. Expelir o ar dos pulmões para cima do manjerico é outra.

COmo respiraste para cima dele?
:)

Bons Santos Populares!

PLANTAS DE CASA disse...

Determinadas plantas só libertam o seu odor quando tocadas, o mangerico faz parte delas...
Mesmo que se cheire literalmente com o nariz, o seu odor pleno apenas se liberta pelo toque da mão. Experimenta a verás do que falo.

Obrigado pela visita e comentario.

Sara disse...

Comprei 2 majericos nos Santos populares que ainda estão vivos e bem viçosos. No entanto, num deles começaram a aparecer pequenos pontinhos brancos, parecidos com bocadinhos de algodão, por baixo das folhas, e já vi que são bichinhos.
Isto é comum nos manjericos? É possível tratar?

Obrigado

PLANTAS DE CASA disse...

Pelo que descreve o seu manjerico foi atacado por uma espécie de pulgão da nome "Cochonilha".
É efectivamente uma praga que se alimenta da seiva da planta e por isso a fará definhar... Com o tempo o volume dos "algodões" aumenta e é libertada uma substancia serosa e peganhenta que muitas vezes atrai formigas e fungos escuros.
Existem no mercado variadíssimos produtos de fácil aplicação e com resultados muito bons, no entanto, dada a fragilidade da planta em questão, é bem provável que ela acabe por morrer ou ficar queimada pelo tratamento.
Muitas vezes é a própria terra que está contaminada pois existe uma variedade igual que se instala nas raízes.
Caso a plantas esteja muito atacada é preferível aniquilar a própria planta...
O inimigo natural dos pulgões é a vulgar Joaninha.

O meu conselho:
Faça uma solução forte de sabão e agua e com muita paciência utilize cotonetes para ir limpando a planta dos pulgões com o liquido.
Depois de tudo retirado pulverize com agua limpa toda a planta. Repita a operação noutro dia se descobrir o nascimento de outros bichinhos
Isole o Manjerico de outras plantas pois a praga espalha-se rapidamente e inspecione as plantas em redor, vasos e todo o local, para entender se era uma praga instalada ou se veio já com o Manjerico. Veja também se não existem um tipo de pulgões amarelados ou acastanhados que parecem lapas, ás vezes onde há uns há outros, o tratamento de sabão também é eficaz com eles.
Boa sorte.

Sara disse...

Muito obrigado pelo exclarecimento. Irei tentar o método do sabão então, pois a planta ainda não foi muito atacada e como tem 1 certo valor simbólico custava-me desistir dela assim.
Obrigado mais uma vez.
Tem um ópimto blog.

António disse...

Muito interessante o seu artigo sobre o Manjerico,mas permita-me discordar do pormenor que eles crescem redondos.Eu semeei na altura certa e cresceram até uma altura próxima dos 30 cm.Multipliquei-os por estaca, tenha à volta de 30 pés,todos a cheirarem lindamente,mas com esse tamanho.Pensei que o formato que vemos nos vasos por altura dos Santos Populares,tivesse a ver com alguma técnica de poda.
Agora,não há nada melhor para se ter em casa,pelo cheiro e por requerem água,atenção e pouco mais.
Já os tenho há mais de dois anos. Morrem uns,nascem outros

António disse...

Já agora,uma ajuda à Sara.
Existe um produto japonês para tratamento dos Bonsais,que devidamente utilizado(pulvorizar à distância recomendada) dá um óptimo resultado.Utilizo-o para tratamento de todo o tipo de doenças,inclusivé para o pulgão no manjerico e até agora,não me morreu nenhum.O produto chama-se
Cura Bonsai,custa 5,85 euros,mas atenção,é um insecticida e deve ser manuseado como eles indicam. Também há uma outra forma de tratar,com uma poção de tabaco. Colocar restos de beatas em água durante dois dias e depois aplicar com um pincel ou com algodão, directamente nas plantas e repetir as vezes necessárias.Quanto mais forte melhor.Boa sorte

Ana Rodrigues disse...

Venho deixar o meu testemunho em relação aos Manjericos que se compram na altura dos santos populares, pois tal como muitos lisboetas eu também comprava um todos os anos e por várias vezes seguidas os manjericos vinham cheios de lagartas, pelo que se tem de ter muito cuidado onde os podemos comprar. Tenho um desde Junho que me foi oferecido e que está de plena saúde deu flores, e está a dar sementes, o que eu gostaria de saber é quando é que é a altura propícia para semear estas sementes e que cuidados deverei ter.
Obrigado
(anarodrigues90@sapo.pt)

AP disse...

Boa Tarde,
Ofereceram-me um Manjerico em Junho, e até Setembro estava optimo. A questão é que agora começam a aparecer os ramos castanhos e as folhas a secar nesses tais ramos. O que é? o que posso fazer para evitar? Obrigada.

Anónimo disse...

Por que nao:)

Rita disse...

olá! em primeiro lugar, parabéns pelo blog!
estou a dedicar-me à plantação de manjericos, mas tenho algumas dúvidas e era muito bom se me pudesses ajudar.
comprei alguns pacotes de sementes de manjerico e há algumas semanas, ainda em março, plantei-as. criei umas pequenas estufas - aproveitando caixas de plástico (como as de croiassants e as de carnes dos supermercados) e com arame fiz uma estrutura para dar altura, que envolvi com papel celofane.
deixei-os num sítio onde apanham luz do sol e rapidamente começaram a desabrochar. neste momento estão com cerca de 2,3 centimetros (contando com a raiz).
a minha dúvida é como proceder, quais os próximos passos. devo transplanta-los para vasos ou para uma floreira ou mesmo para um jardim? quando o devo fazer?
no pacote das sementes dizia para deixar 20 cm entre eles... portanto pergunto - esta talvez seja uma pergunta parva, mas de facto é a primeira vez que executo algo deste género - cada semente origina aquilo a que chamamos manjerico? ou os vários "pézinhos" que estão agora a desenvolver-se é que vão formar o manjerico e portanto devo transplantá-los juntos?
ou será que sabes de algum site ou assim que possa responder a estas questões? eu não tenho encontrado...
agradeço imenso a tua ajuda!

PLANTAS DE CASA disse...

Olá Rita! Pois que estás no bom caminho... Ao criares uma estufa fechada, tens antes de transplantar as plantinhas de ir abrindo a estufa para que gradualmente o ar exterior vá entrando e as plantas se habituem ao novo ambiente... As plantas são naturalmente "arbustivas" e por poda vai-se conseguindo dar a forma redonda que conhecemos. No entanto se pretendes algo mais compacto, deves colocar 3 ou 4 pés juntos e despontar um ou outro ramo que saia da forma pretendida.
Espero ter ajudado...

Rita disse...

Muito obrigada pela tua ajuda! Diz-me so mais uma coisa: devo transplanta-los para uma nova estufa, maior, nesta epoca de Abril? Ou mantenho-os nas pequenas estufas onde estão neste momento, arejando-as, até que se desenvolvam mais e so em Junho é que os coloco em vasos?

Anónimo disse...

Queria dizer ao autor deste velogue, que o S João é uma festa típica de Braga (desde o sec xv). O Porto pode hoje comera-lo, como outras terriolas o fazem. Mas o origem do mesmo é e será sempre Braga. O facto de hoje vivermos num país que só olha a Lisboa e dá umas migalhitas ao Porto, ods quais por sua vez, açambarcam tudo o que podem açambarcar, é que dá azo a que se fale no S João do...porto. O S João é e será sempre, uma festa minhota com origens no Minho (mas é a mesma lenga lenga de aqui havre muitos benfiquistas.... )

Blue Angel disse...

Concordo com o que o "Anonimo" disse
melhor S.João é o de Braga<3
*.*

excelente post
eu tenho o meu manjeriquinho e este post deu umas boas dicas para a promoção de uma longa vida dele:D

António M. Marques Fernandes disse...

Olá, tenho um manjerico e está a ficar com as folhas pretas e estam a cair. o que fazer? Obrigado.

Maria disse...

Vim aqui para saber mais do manjerico e queria propor-lhe que fale também da sardinheira. Acho que é uma planta bastante comum que eu até tenho.

Anónimo disse...

Boa informaçâo mas torna-se impossível para ler com tantas borbuletas a voar pelo ecrã e através das letras...

João Pedro Ferreira disse...

pode-se regar de manha o manjerico ?

Anónimo disse...

amigo, não há festa melhor do que o são joao no porto, sardinha assada,vinho, broa, manjericos, mulheres,muito forró..... melhor que braga mais parece aldeia, o porto é uma naçon carago, vivó porto canudo!